foto1 pagina 40 - CAAA

Sindag e Ibravag estreitam relações com setor no Canadá

Dirigentes das entidades aproveitaram para colher informações para aprofundar debates no Brasil

Publicado em: 10/04/23, 
às 11:55
, por IBRAVAG

COMPARTILHE:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Pinterest
[esi INSERT_ELEMENTOR id="1794" cache="private" ttl="0"]

A aviação agrícola brasileira marcou presença na 2023 CAAA AGM, Conference & Trade Show, que ocorreu de 16 a 18 de março, em Regina, capital de Saskatchewan – província no sul do Canadá, na divisa com os Estados norte-americanos de Montana e Dakota do Norte. Durante os três dias da programação, o presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag), Thiago Magalhães, e o diretor-executivo Gabriel Colle (Sindag e Ibravag) fizeram uma imersão no mercado aeroagrícola canadense.

O olhar recaiu sobre a legislação referente à atividade no país que é considerada referência internacional, bem como sobre as tecnologias e relações institucionais do setor. Com o propósito de coletar subsídios para enriquecer o debate sobre políticas para o setor em terras brasileiras, os dirigentes das entidades setoriais do Brasil aproveitaram para trocar experiências com lideranças, operadores e técnicos canadenses. Também mantiveram contato com os agentes governamentais do Canadá.

REGULAMENTAÇÃO

O presidente Thiago Silva pontuou que a missão retorna “com novas ideias para o uso de produtos biológicos, novidades sobre manutenção de aeronaves e outros temas.” Embora a tecnologia aeroagrícola presente no Canadá seja similar à existente no Brasil, conversas evidenciaram aspectos que a legislação aeroagrícola canadense é menos restritiva do que a brasileira. O diretor Gabriel Colle cita o fato de que em terras canadenses a chamada buffer zone (zona de exclusão junto a áreas ambientalmente sensíveis) não é fixa. É calculada pelos operadores por meio de uma ferramenta disponibilizada via Internet pelo governo.

A intenção dos dirigentes brasileiros é dividir com autoridades brasileiras as informações e canais estabelecidos na viagem.

Visitas institucionais fizeram parte da viagem

A missão brasileira na CAAA AGM, Conference & Trade Show acompanhou a troca de comando da entidade aeroagrícola canadense e conversou tanto com o presidente que encerrou seus dois anos de mandato, Chad Vanderbyl, quanto com o novo titular, Aaron Trudell. Os representantes do Sindag e Ibravag conversaram ainda com a diretora-executiva da instituição anfitriã, Shara Tardif.

Thiago Magalhães e Gabriel Colle também aproveitaram o evento para convidar para o Congresso da Aviação Agrícola do Brasil 2023, marcado para julho em Sertãozinho/SP (matéria nas páginas 44 e 45). Inclusive encontraram-se com expositores que já estão com o passaporte carimbado para o evento brasileiro, caso dos empresários Ann e Mark Grahek, da Turbine Conversions. Os dirigentes do Sindag e Ibravag conversaram também com o vice-presidente de vendas da Thrush Aircraft, Kevin Pierce.

Antes de aterrissar dia 16 na CAAA Conferecece & Trade Show, no Delta Hotel by Marriott Regina, os representantes brasileiros visitaram duas importantes parceiras do setor. Uma delas, no dia 14, a FlightSafety International, em Toronto. A empresa é representada no Brasil pela Aeroglobo. A outra visita, no dia 15, foi à Pratt & Whitney Canadá (PWC). Neste caso, uma antiga parceira do Congresso AvAg, situada em Longueuil (ao lado de Montreal), província de Quebec.

COMPARTILHE:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Pinterest

Este website utiliza cookies para fornecer a melhor experiência aos seus visitantes.