Foto1 - (1)

Exposição propõe uma imersão na vida e obra de Santos-Dumont

Mostra em formato híbrido e peças originais do 14-Bis celebra os 150 anos de nascimento do Pai da Aviação

Publicado em: 19/09/23, 
às 14:11
, por IBRAVAG

COMPARTILHE:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Pinterest
[esi INSERT_ELEMENTOR id="1794" cache="private" ttl="0"]

A exposição “150 anos de Santos-Dumont – Experience” foi destaque no Saguão Nobre do aeroporto que leva o nome do Pai da Aviação, no Rio de Janeiro/RJ, de 1º a 25 de agosto. Com curadoria de Evaristo Martins de Azevedo, conselheiro da Fundação que guarda o acervo do aeronauta, a mostra em formato híbrido contou com um espaço imersivo e circular imenso por onde a história do inventor brasileiro e de seus voos foi contada por meio de projeções de fotos gigantes em movimento.

Para Azevedo, o sucesso da exposição foi tão grande porque Alberto Santos-Dumont é um dos maiores vultos da história do Brasil e representa o que há de melhor naquilo que, hoje, se chama de empreendedorismo. “Ele pensava em conceitos como inovação como poucos ao longo da História. Dedicava-se em criar iniciativas espetaculares de modo a ajudar pessoas e transformar o mundo. Foi uma exposição inspiradora”, pontua o curador.

Inclusive, o sucesso da exposição no Rio de Janeiro despertou o interesse de outros aeroportos do País de produzirem outras mostras homenageando o inventor brasileiro, que nasceu em Minas Gerais no dia 20 de julho de 1873. Inclusive, já estão em contato com a Fundação Santos-Dumont para viabilizar o projeto.

ACERVO

A exposição no Rio de Janeiro, além do espaço imersivo, ainda reuniu peças originais que pertencem à Fundação Santos Dumont (https://www.fundacaosantosdumont.org/). Entre elas, um dos cestos utilizados pelo aviador em seus balões que foi uma das grandes atrações. Destaque também para os bambus indianos originais que foram usados na estrutura do 14-Bis, que, segundo Azevedo, era chamado pelo aviador de “ossos de pássaros”.

A seda usada no 14-Bis ficou na sede da fundação, pela dificuldade de transportar o material sem que fosse danificado. Mesmo assim, foi montada uma estrutura modular de tramas e tecidos que remetia ao avião que fez o voo em torno da Torre Eiffel em 12 de novembro de 1906. 

INSTAGRAMÁVEL

VISITA: o curador Evaristo Martins de Azevedo com o cenógrafo Bosco Bedeschi

O Demoiselle, o avião de Santos-Dumont fabricado em série e considerado a obra-prima do brasileiro foi reproduzido no tamanho um pouco menor que o original, mas respeitando a escala real. O primeiro voo do modelo de número 19 (o inventor numerava suas invenções conforme a sua evolução) ocorreu em 1907 e foi desenvolvido até 1909. 

Na mostra, a réplica do Demoiselle aparece pendurada por delicados fios transparentes, criando um espaço para tirar fotos instagramáveis. Azevedo conta que esse foi o ponto alto da exposição, apreciado tanto por crianças, quanto por adultos.

A cenografia lúdica do espaço produzida por MChecon Design & Cenografia contou com dezenas de delicados aviõezinhos de papel flutuando, todos eles, pelo teto de todo o espaço, trazendo o fascínio que os aviões, desde cedo, representam para as crianças, que crescem brincando com esses modelos de papel.

LIVROS

De acordo com Azevedo, também causou muito interesse a mostra de diversos livros sobre a vida de Santos-Dumont publicados em vários idiomas ao longo das últimas décadas, ao redor do mundo, por muitos pesquisadores, autores e biógrafos. O público também pode conferir o livro “O que eu vi, o que nós veremos”, de 1918, escrito pelo próprio aviador.

CURIOSIDADES

Ousadia

Santos-Dumont transformou as Cataratas do Iguaçu ponto de visitação, tanto que tem um busto dele no Parque de Foz do Iguaçu, que fica no município de mesmo nome no oeste paranaense. Tudo aconteceu durante uma viagem do inventor à Argentina, na divisa com o Brasil. Ao avistar as cataratas, surpreendeu-se com a sua beleza e começou a pesquisar. Conversou com o proprietário, com o governo do Estado e do município e conseguiu com que a área fosse tornada pública. O curador da mostra 150 Anos de Santos-Dumont Experience, Evaristo Martins de Azevedo, conta que durante uma grande cheia na foz do Iguaçu, uma grande árvore teria caído e ficou escorada em uma rocha. O tronco da árvore formou aquilo que seria, digamos, uma espécie de ponte. Ele andou sobre o tronco que passava por cima da água, diante dos olhares chocados em função do perigo. E teria dito: “Nossa, aqui daria para ter um belvedere para as pessoas contemplarem essa maravilha”. De fato, foi construído esse mirante e reconstruído várias vezes, reformado, restaurado. E está lá até hoje.

Inventor do hangar

Alberto Santos-Dumont também inventou o hangar, quando estava em Paris. Cansado de ter que desmontar os balões e ter que montá-los quando desejasse voar novamente, o aeronauta teve a ideia de construir uma espécie de cabana gigantesca para guardar os balões montados.  

Irreverente

Santos-Dumont costumava parar Paris, quando ia tomar um café na Champs-Élysées. O aeronauta costuma deixar o balão estacionado na avenida, conhecida dos franceses como a mais bela do mundo, enquanto entrava no restaurante. Depois, subia no balão e voltava para sua residência na capital francesa. Conta Azevedo, que os parisienses ficavam enlouquecidos com tamanha ousadia. “Como que alguém faz uma maluquice dessas”, assinala, e complementa: “de fato a história dele é muito legal”. 

Amizades

O inventor brasileiro era frequentador assíduo do Maxim’s. Conforme tópico Santos-Dumont disponibilizado na Wikipedia (https://pt.wikipedia.org/wiki/Maxim%27s) em artigo sobre o restaurante, Santos Dumont chegara a Paris, em 1892, e no restaurante encontrava seus amigos como o joalheiro Louis Cartier, o engenheiro Gustave Eiffel, construtor da Torre Eiffel, símbolo de Paris, o editor do New York Herald, James Gordon Bennett. Também frequentava o local o caricaturista George Goursat, que se vestia do mesmo modo que Santos Dumont, inclusive usava o mesmo tipo de chapéu.

COMPARTILHE:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Pinterest

Este website utiliza cookies para fornecer a melhor experiência aos seus visitantes.